fbpx
Ligue-nos:     21 2147-0829   /     21 97532-3236
Novo painel solar promete gerar energia à noite

Novo painel solar promete gerar energia à noite

Pesquisadores americanos desenvolveram um protótipo capaz de gerar cerca de 50 watts de energia elétrica por metro quadrado durante o período noturno.

 

Em meio às novidades tecnológicas, o mundo dos painéis solares está prestes a passar por uma nova fase. Isso porque, pesquisadores do Departamento de Engenharia Elétrica e de Computadores da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, criaram um painel capaz de gerar eletricidade à noite, dispensando o uso da luz solar.

 

O projeto foi pensado para melhorar a potência e eficiência do painel solar. Formado por uma célula solar fotovoltaica noturna o sistema consegue gerar até 50 watts de energia por metro quadrado, sob condições ideais. Esse número equivale a aproximadamente 25% da capacidade de produção de energia de um painel solar tradicional.

 

O sistema foi apresentado no artigo “Nighttime Photovoltaic Cells: Electrical Power Generation by Optically Coupling with Deep Space”, publicado na revista ACS Photonics. A iniciativa, foi desenvolvida para funcionar de maneira oposta aos painéis solares, o que a levou a ser conhecida como painel anti-solar.

 

Funcionamento do protótipo

 

Assim como o painel convencional, esse foi criado para o usar o mesmo princípio de geração de energia através do calor. No entanto, o sistema usa células termorradiativas que podem ser aquecidas mesmo na ausência da luz. As mesmas são capazes de irradiar calor como luz infravermelha, utilizando a abordagem contrária ao que já conhecemos.

 

De acordo com um dos cientistas, o professor Jeremy Munday, o que difere o protótipo dos outros painéis é apenas o material, pois a física utilizada é a mesma para ambos. “Uma célula solar regular gera energia absorvendo a luz solar, o que faz com que a tensão apareça no dispositivo e a corrente flua. Nestes novos dispositivos, a luz é emitida e a corrente e a tensão vão na direção oposta, mas ainda geram energia.”

 

Em termos práticos, a energia elétrica será produzida após o sol se pôr, utilizando a terra como fonte de calor e o espaço como dissipador de calor, que vai resultar na célula fotovoltaica noturna que abrange sistemas como o campo avançado do resfriamento radiativo. Essa técnica é utilizada há muitos anos para a realização do resfriamento noturno.

 

Painel também poderá ser usado durante o dia

 

Para que o painel consiga funcionar também durante o dia, é preciso tomar algumas medidas como como bloquear a luz solar direta ou apontá-la para longe do sol. Essa modificação permite que o sistema fique ativo potencialmente 24 horas por dia. Uma opção interessante para equilibrar a rede elétrica em todos os turnos.


Adicionar comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *